sexta-feira, 27 de maio de 2011

Castigo

Sedenta de desejo, te espero.
Corpo perfumado,
Lingerie preta,
Camisola.
O castigo pela demora.
Se demoras mais não me aguento e mais castigado serás!
Percorrerei eu mesma os caminhos que tuas mãos costumam fazer
E enquanto te espero, me sinto
Te sentindo como se já estivesses aqui.
E quando chegares, refaço tudo.
Assim tu podes ver o que perdeu ao demorar-se tanto...

9 comentários:

  1. wrong, se eu pudesse classificar voce e suas historias em apenas uma palavra eu diria: ERUPCAO
    (autor: primo...)

    ResponderExcluir
  2. Quem não gosta de ser castigado?

    Eu não me demoro, também...

    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Hummmmmm...acho que vou aplicar uns castigos assim, deliciosos!
    Ô coisa boa poder voltar nos espaços que me atiçam!
    Beijos e obrigada pelo seu carinho durante minha ausência forçada!!!

    ResponderExcluir
  4. Wrong, só pra comecar, eu nunca me atrasaria, todo tempo desperdicado é pouco, alias, nunca me atrasei para um encontro, voce, por toda sua ERUPCAO nunca ficaria aguardando alguem como eu, venha para SP e veras se vai aguardar ou se de tanta pressa, pegarei voce no hotel! (autor: primO)

    ResponderExcluir
  5. Menina...coisa quente aqui....aiaiaia
    Beijos

    ResponderExcluir

Sou tua em corpo, alma e palavra. Leia-me, traduza-me e reescreva-me...sempre!